top of page

Por que o Mobile First é tão importante na estratégia de Marketing Digital

É muito provável que você esteja lendo este artigo no seu celular. Para garantir uma experiência de qualidade nesse dispositivo, é utilizado um dos conceitos mais populares desde a criação dos smartphones e o acesso à internet por meio deles: o Mobile First.


De acordo com um levantamento divulgado pela Fundação Getúlio Vargas, o Brasil possui aproximadamente 424 milhões de smartphones, tablets e notebooks em uso (é mais dispositivos digitais que gente no Brasil).


Isso mostra que o uso de telas menores está se tornando cada vez mais comum em comparação com as telas tradicionais, e oferecer uma experiência de qualidade para esses dispositivos é essencial.


Mas o que é Mobile First?


Mobile First é um conceito que prioriza o desenvolvimento de projetos web para dispositivos móveis, adaptando-os posteriormente para desktops e telas maiores. O critério para isso é adotar a perspectiva do usuário, considerando que os dispositivos móveis estão mais presentes em seu dia a dia. O termo foi cunhado por Luke Wroblewski, diretor de produto do Google, entre 2009 e 2010.



Em resumo ele permite combinar uma experiência de qualidade com fatores de classificação nos mecanismos de busca. Isso envolve trabalhar nas funcionalidades, disposição dos elementos, arquitetura da informação e todos os outros processos relacionados à criação de projetos web, considerando como eles serão exibidos nas telas dos smartphones.


Inicialmente, os projetos web eram desenvolvidos pensando apenas na visualização em monitores. Com a chegada dos smartphones, essa abordagem teve que mudar. À medida que o smartphone se tornou a primeira tela, foi necessário adaptar o processo de desenvolvimento.


Entre as principais características incorporadas pelo conceito do Mobile First em projetos web estão:

  1. Design responsivo e otimização de desempenho: prioriza o design para que os usuários tenham uma ótima experiência em qualquer dispositivo e tamanho de tela;

  2. Experiência do usuário: coloca o usuário no centro do projeto de design, organizando e projetando todas as funções e recursos para que sejam fáceis de usar, intuitivos e atraentes;

  3. Tecnologia de acesso: leva em consideração a tecnologia de acesso do usuário, como tipos de conexão, velocidade e qualidade da conexão, para otimizar o site nesses aspectos.

Como disse Steve Krug no livro "Não me faça pensar": "Dispositivos móveis significam espaços apertados, reduzindo páginas da web ao tamanho de um lenço de papel em uma tela do tamanho de um selo postal."


Esses espaços compactos, combinados com as diferentes configurações dos smartphones, levam a restrições no desenvolvimento que geralmente resultam em problemas de usabilidade. Isso afeta os resultados em todos os aspectos do site, principalmente nas métricas de SEO e marketing.


Para evitar esse tipo de problema, é essencial tomar decisões acertadas durante o processo de desenvolvimento, como associar o conceito de design responsivo ao Mobile First, explorando as características de ambos e ampliando os benefícios para o processo e para os usuários.

Mas por que eu devo priorizar isso na minha estratégia de Marketinag Digital???

Existem algumas razões pelas quais o Mobile First é tão importante na estratégia de Marketing Digital:

  1. Crescimento do uso de dispositivos móveis: O uso de dispositivos móveis continua a crescer significativamente em todo o mundo. Mais pessoas estão acessando a internet por meio de smartphones do que por meio de computadores desktop. Portanto, ignorar a importância dos dispositivos móveis na estratégia de marketing significa perder uma grande parcela do público.

  2. Experiência do usuário: Os dispositivos móveis têm características únicas, como telas menores, recursos de toque e conexões de internet variáveis. Ao adotar uma abordagem Mobile First, as empresas podem projetar sites e aplicativos que oferecem uma experiência otimizada para usuários móveis. Isso inclui carregamento rápido, design responsivo, navegação intuitiva e conteúdo adaptado para dispositivos móveis. Uma boa experiência do usuário melhora a satisfação do cliente, aumenta o engajamento e impulsiona as conversões.

  3. Otimização para mecanismos de pesquisa: Os motores de busca, como o Google, dão cada vez mais importância à experiência do usuário em dispositivos móveis. Ter um site responsivo e adaptado para dispositivos móveis é um fator importante para melhorar o posicionamento nos resultados de pesquisa. Além disso, o Google lançou a indexação móvel primeiro, o que significa que os sites que são otimizados para dispositivos móveis têm maior visibilidade nas pesquisas realizadas em dispositivos móveis.

  4. Conveniência e disponibilidade constante: Os dispositivos móveis estão sempre ao alcance dos usuários, permitindo que eles acessem informações, façam compras e interajam com as marcas a qualquer momento e em qualquer lugar. Ao adotar uma abordagem Mobile First, as empresas podem aproveitar essa conveniência e estar presentes nas vidas dos consumidores de forma contínua.

  5. Engajamento nas mídias sociais: As mídias sociais são amplamente acessadas por dispositivos móveis. Ao adotar uma estratégia Mobile First, as empresas podem criar conteúdo otimizado para dispositivos móveis, facilitando o compartilhamento e o engajamento nas plataformas de mídia social.

Além das razões mencionadas anteriormente, existem alguns pontos adicionais que podem ser destacados:

  1. Taxas de conversão: Os dispositivos móveis têm um papel significativo nas taxas de conversão. Com a adoção do Mobile First, as empresas podem otimizar suas páginas de destino e processos de checkout para dispositivos móveis, facilitando a conclusão de transações e aumentando as taxas de conversão. Um design responsivo e intuitivo ajuda os usuários a tomar ações desejadas com facilidade, resultando em melhores resultados comerciais.

  2. Atenção ao contexto do usuário: Os dispositivos móveis são pessoais e acompanham os usuários em todos os lugares. Isso permite que as empresas considerem o contexto do usuário ao criar suas estratégias de marketing. Ao compreender as necessidades e preferências dos usuários móveis, as empresas podem personalizar suas mensagens e ofertas de acordo com a localização, horário do dia e comportamento de navegação, tornando a comunicação mais relevante e impactante.

  3. Adaptação às tendências de comportamento: O Mobile First também se alinha com as tendências de comportamento do consumidor. As pessoas estão cada vez mais realizando pesquisas, compras e interações sociais por meio de dispositivos móveis. Portanto, uma estratégia de marketing que prioriza os dispositivos móveis permite que as empresas se adaptem a essa mudança de comportamento e estejam presentes onde seus clientes estão.

  4. Competitividade no mercado: À medida que mais empresas adotam o Mobile First, aquelas que não acompanham essa tendência podem perder relevância e competitividade no mercado. Os consumidores estão exigindo experiências móveis de qualidade, e as empresas que não atendem a essas demandas podem ser deixadas para trás pelos concorrentes que fornecem uma melhor experiência móvel.

  5. Alcance global: Os dispositivos móveis permitem que as empresas alcancem um público global de forma mais eficiente. Com a expansão do acesso à internet em países em desenvolvimento, muitas pessoas estão acessando a web principalmente por meio de dispositivos móveis. Ao adotar o Mobile First, as empresas podem se posicionar para atingir esse público em rápido crescimento e aproveitar as oportunidades de expansão global.

Em resumo, o Mobile First desempenha um papel crucial na estratégia de Marketing Digital, permitindo que as empresas alcancem um público maior, melhorem a experiência do usuário, aumentem as taxas de conversão e se adaptem às tendências de comportamento do consumidor.


Ao adotar uma abordagem centrada em dispositivos móveis, as empresas podem obter uma vantagem competitiva e estabelecer uma presença relevante no mercado digital em constante evolução.


Espero que tenham aproveitado esse conteúdo e até o próximo!

Comments


bottom of page