top of page

Muito prazer, BARD, a inteligência artificial do Google

Hoje vou falar sobre os novos Recursos de IA do Google: Conheça o Bard!


O Google, uma das principais empresas do setor de tecnologia e inovação, sempre esteve na vanguarda das pesquisas em inteligência artificial (IA). Com a visão de aprimorar a experiência dos usuários e fornecer soluções cada vez mais avançadas, a gigante da tecnologia buscou a ajuda dos seus fundadores Larry Page e Sergey Brin para impulsionar sua estratégia de IA.


Recentemente, o Google anunciou planos ambiciosos para revolucionar a forma como interagimos com a tecnologia de busca, introduzindo recursos de chatbot no mecanismo de busca ainda este ano. Essa iniciativa promete transformar a forma como as pessoas fazem pesquisas e interagem com a quantidade quase infinita de informações disponíveis na web.


O Bard e suas novidades


No dia 10 de maio de 2023, o Google realizou o I/O 2023, seu evento anual onde apresentou as mais recentes inovações e desenvolvimentos dos seus produtos. Entre os anúncios mais esperados estava o avanço do Bard, o chatbot alimentado por IA do Google.



A vice-presidente e gerente geral do Google Assistant e Bard, Sissie Hsiao, compartilhou as atualizações do Bard no Google, e as novidades incluem:

  • Recursos de imagem

  • Habilidades avançadas de codificação e,

  • Integração com outros aplicativos e serviços Google.

A Evolução do Bard


Uma das principais atualizações do Bard foi a transição do modelo de linguagem de IA para o PaLM 2 (Nossa senhora das Big Techs, o que é isso?). Esse avanço representa uma grande evolução no processamento de linguagem natural e possibilitou diversas melhorias no chatbot, incluindo a habilidade de realizar cálculos matemáticos avançados, raciocínio lógico e recursos de codificação.


Além disso, o Google demonstrou sua ambição de tornar o Bard acessível para uma audiência global. Durante o evento, foi anunciado que a lista de espera para utilização do chatbot foi removida, abrindo o acesso para bilhões de pessoas em mais de 180 países ao redor do mundo.


O Bard agora está disponível em japonês e coreano, com planos para adicionar mais 40 idiomas ao aprendizado de máquina do chatbot.


Bard: Mais do que Texto, uma Experiência Visual


O Google busca constantemente aprimorar a experiência do usuário e, com o Bard, não foi diferente. Em breve, o chatbot será capaz de oferecer respostas mais sofisticadas e visuais, possibilitando a inclusão de imagens nos prompts das consultas.


O Google Lens, ferramenta de reconhecimento de imagem da empresa, trabalhará em conjunto com o Bard para criar legendas criativas ao analisar fotos, levando em consideração detalhes como a raça de cães em uma imagem, por exemplo.


Dando outro exemplo, ao pesquisar por "Pontos turísticos em Nova Orleans", o Bard poderá apresentar uma lista de respostas acompanhadas de fotografias dos locais, enriquecendo e ampliando a experiência do usuário.


Bard: Mais Integração com os Produtos Google


Não é segredo pra ninguém que o Google tem uma ampla variedade de serviços e produtos com foco em atender às necessidades dos usuários em diferentes contextos. A integração do Bard com outras ferramentas Google, como Documentos, Drive, Gmail, Mapas e outros, é uma forma de ampliar ainda mais o leque de possibilidades para os usuários.


Em seus próximos passos, o Bard também se conectará com o Adobe Firefly, uma família de modelos criativos de IA generativa desenvolvida pela Adobe. Essa integração permitirá que os usuários transformem suas ideias criativas em imagens de alta qualidade de um jeito rápido e fácil, ampliando sua criatividade e produtividade.


Recursos de Codificação e Exportação


Os feedbacks dos usuários têm sido fundamentais para a melhoria do Bard. Com base nas opiniões e necessidades dos usuários, o Google está incorporando novidades importantes relacionadas à codificação.


O Bard agora oferece citações de fontes mais precisas, permitindo que os usuários identifiquem facilmente o conteúdo citado e a fonte correspondente. Além disso, o chatbot agora possui o tema escuro, uma opção muito solicitada pelos desenvolvedores. Para melhorar ainda mais a produtividade, será adicionada a capacidade de exportar e executar código com o Replit, começando com Python.


Bard: Um Experimento Inicial em IA para conversação


O lançamento do Bard causou grande expectativa e especulação sobre como ele se posicionará no mercado em relação a outros sistemas de IA, como o famoso ChatGPT da Microsoft. É importante lembrar que o Bard ainda é considerado um "experimento inicial" pelos líderes do projeto, Sissie Hsiao e Eli Collins.


Embora o Bard apresente várias novidades e melhorias, ainda existem aspectos que precisam ser aprimorados. Alguns usuários relataram que o chatbot não consegue lembrar de consultas anteriores, limitando sua capacidade de manter um contexto durante conversas mais longas. Essa limitação está em constante desenvolvimento e a expectativa é que a IA do Bard melhore com o tempo.


Bard e o ChatGPT da Microsoft


A corrida pela supremacia na tecnologia de IA está acirrada, e hoje o Google e a Microsoft são os que lideram esse setor. O Bard surge como um concorrente direto do ChatGPT da Microsoft, e ambos buscam melhorar a forma como as pessoas interagem com os sistemas de busca e as respostas que recebem.


A Microsoft já integrou o ChatGPT em seu mecanismo de busca, o Bing, e o Google está avançando com o Bard para oferecer recursos avançados de chatbot. As vantagens e desvantagens de cada um ainda estão sendo analisadas pelos usuários, mas é importante destacar que ambos estão em constante evolução e refinamento.


O que esperar daqui pra frente?


À medida que o Bard e outras aplicações de IA se tornam mais avançados, devemos refletir sobre os desafios éticos e sociais que essa tecnologia pode trazer. A responsabilidade do desenvolvimento responsável da IA é compartilhada tanto pelas empresas como pelos usuários. A transparência, a privacidade e a segurança devem ser prioridades para garantir que os benefícios da IA sejam compartilhados de maneira justa e sem distinções.


Com isso em mente, o futuro do Bard e da IA no Google pode ser muito interessante, com promessas de oferecer mais recursos inteligentes e integrados para melhorar a vida das pessoas no mundo todo.


A jornada da IA está apenas começando. Vamos acompanhando os próximos capítulos e os impactos que eles trazem para nossa sociedade.

Comments


bottom of page