top of page

Facebook: API x Pixel. Qual usar?

Nesse artigo vamos esclarecer o que é o Pixel do Facebook, o que é API de Conversões do Facebook, como eles atuam, e, assim, entender e decidir qual usar. Vamos lá?!


Pixel do Facebook ou API de Conversões do Facebook? Qual você deve usar? É sobre isso que vamos falar agora. Continue a leitura para saber mais.



O que é o Pixel do Facebook


O Pixel do Facebook, também conhecido como Facebook Pixel, nada mais é que uma ferramenta que auxilia na análise de dados.



Isso é: trata-se de um código que pode ser inserido no seu site, visando monitorar o comportamento dos visitantes, através de uma coleta de dados que permitirá a implementação de uma campanha personalizada para impactar os visitantes que já interagiram com seu site.


Usando o Pixel do Facebook é possível:

  • Acompanhar os resultados das suas campanhas de ‘mídia’ paga;

  • Acompanhar detalhes de vendas, visualizações de conteúdos, ‘leads’ conquistados, entre outros;

  • Enviar mensagens personalizadas para usuários que já conhecem seu negócio;

  • Monitorar conversões de um site e criar públicos para campanhas de anúncios no Facebook;

  • Recolher dados detalhados sobre seu público (algo fundamental para o sucesso de todas as estratégias do ‘marketing’).

E o que é API de Conversões do Facebook?


A API de Conversões do Facebook é um recurso que trabalha com o Pixel do Facebook, ajudando no aprimoramento, desempenho e mensuração das campanhas e anúncios.


Esse recurso foca em empresas, possibilitando:

  • O compartilhamento de eventos off-line e da web,

  • E o compartilhamento de ações do cliente a partir dos servidores.

Com esse recurso também é possível:

  • Coletar detalhes;

  • Ficar por dentro das ações dos clientes;

  • Coletar informações (informações de pagamento, produtos ao carrinho, produtos no carrinho, registro, iniciar finalização da compra, pesquisar, pageviews, entre outras).


E como funcionam o Pixel do Facebook e a API de Conversão do Facebook?


Sempre que uma pessoa visita seu site e lá dentro executa alguma ação, como, por exemplo, comprar algo, o Pixel do Facebook é ativado e te informa sobre a ação.


Assim, você pode atingir esse cliente mais de uma vez, e ainda pode alcançar pessoas mais propensas a efetuarem compras, utilizando um público personalizado e aplicando esses dados em campanhas específicas.


Lembrando que quanto mais conversões seu site fizer, melhor será a veiculação dos anúncios feita pelo Facebook.


Já a API de conversão do Facebook não tem um funcionamento muito diferente do Pixel do Facebook.


Basicamente as diferenças entre eles é que com a API de conversão é possível rastrear dados através do servidor e também de maneira off-line.


No entanto, vale dizer ser necessário configurar o Pixel antes de começar a usar a API de Conversão do Facebook e aproveitar essas vantagens. Afinal, como eu disse acima, essas ferramentas trabalham juntas.


Após entender o que é o Pixel do Facebook e o que é API de Conversões do Facebook, podemos concluir que não se trata de uma escolha. A recomendação é usar as duas funções como complemento uma da outra. Até porque a API entra em ação com os usuários que não permitem o compartilhamento e rastreamento das ações via Pixel. Assim, é muito importante configurar os dois recursos.


Para saber mais sobre a configuração do Pixel, da API de Conversão do Facebook, e de outras ferramentas, leia o conteúdo do BLOG ou fale com o especialista agora mesmo para esclarecer suas dúvidas.


Artigos sugeridos:

#marketingdigital #facebookads #googleads #midiadigital #instagramads #gestordetrafego #trafegopago #tráfegopago #googleadsexpert

8 visualizações
bottom of page